quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Os meus filhos são muito diferentes um do outro, que são, mas ainda assim a língua não ficou presa a nenhum.

Cumprindo a rotina de ficar com a telha ao quinto ou sexto dia de não ter rotina, levei o Baby dar uma volta de carro a ver se dormia a sesta enquanto os meus outros dois rapazes foram canoar (que é verbo que podia muito bem existir).


Eu às voltas a 30 à hora pelas estradas da Reserva do Azibo... Ar condicionado ligado... Passados 15 minutos ainda o Baby contemplava circunspecto a paisagem de olho bem arregalado. Eu já a ver a minha vida andar para trás - só nós e o criador sabemos o bom feitio com que esta alma fica depois de uma tentativa gorada de adormecer...

De repente...

[Baby] Põe a mújica mais baixo...

[NM, já enfadada e enquanto diminui o volume] Oh... Se dormisses um soninho, mas é...

[Baby] Pejijamente! Axim com ixo tão auto, não conxigo!

(...)

"Precisamente!"

"Pre-ci-sa-men-te!"

Está bonito isto está...

8 comentários:

  1. Oh, que maravilha de post!

    E depois, ele adormeceu?

    ResponderExcluir
  2. ahahah delicia! Que idade tem? Vejo semelhanças com a minha que me diz "ólia, um dia podis usá os meus cóquis*, okei? um dia, não é hoiji... p'onto, linda" [dá festinha]
    *crocs. supondo que o resto se percebe...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem 4! Quatro e meio, mais precisamente! :D

      "um dia... Mas não é hoje..." Ahahahahahhahahha

      Excluir