segunda-feira, 30 de junho de 2014

Há coisas que nunca mudam...

E a irresistência ao óbvio do José Rodrigues dos Santos é uma delas.

Hoje o Fernando Santos, treinador da Grécia, viu a sua equipa ser eliminada do Mundial e acabou por ser expulso do campo. O que é que o jornalista supra mencionado disse no fim da reportagem?

Exatamente... "Um treinador que se viu grego..."


Não adianta, quanto mais óbvia é a piada, mais lampeiro é o José a dizê-la... E eu sou igual... Alguém tem de dizer a piada fácil e eu só quero ver as pessoas felizes... Mas, sei lá, num jornal nacional não acho que fique bem... Que quereis? Esquisitices!

A mesma mulher para muitos conceitos de beleza - JN

A mesma mulher para muitos conceitos de beleza - JN

O meu está ali entre o 9 e o 18... E o de vocelências?




A minha cria tem tanta graça quanto a tua... #20

Sim... Estão de volta as histórias sobre os Super-heróis.... Apresento-vos o Homem de Fogo.


[Jr.] Maêee... O Homem de Fogo voa com os braços para a frente ou com os braços para trás?

[NM, meio enfadada] Oh filho não sei, não me lembro...

[Jr.] Mas o pai sabe, que ele já me disse... Eu é que me "desqueci".

[NM] Pronto filho, então vais ter de perguntar ao pai...

[Jr.] Maêeeee??

[NM] Diz filho....

[Jr.] Porque é que és mais burrinha có pai??

(...)

Porquê??? Mas porque é que eu ouço estas coisas e só me dá para rir???

domingo, 29 de junho de 2014

O amor é lindo...

O meu homem é, certamente, o amor da minha vida. Aquele que me conhece como ninguém, aquele que me lê o pensamento e me completa as frases. Aquele que tem na família o baluarte da sua existência, taliqual como eu...

Não acreditais? Pois que, ainda ontem, ele me leu o pensamento...

Sexta feira ficámos a ver um filme e deitámo-nos "tarde"... Passava da uma da manhã, imaginai a meretriz da loucura... Tendo em conta o estourado que andamos, não foi muito sensato não senhora. Ainda tive de acordar de madrugada para dar de comer ao pequenino...

Na manhã seguinte - de SÁBADO - acordámos pouco depois das 7h com um: "JÁ ACORDEEEI!! QUEM VEM BRINCAR CÓMIGO??" que chegou via intercomunicador do quarto ao lado... A impetuosidade de tal anúncio acordou o mai novo que dormia tranquilo no berço ao lado da nossa cama...

[Estimado homem, com voz doce e melancólica] Môr....

[NM, com voz doce e melancólica] Diz...

[Estimado homem, com voz doce e melancólica] Lembras-te de como era fixe quando não tínhamos filhos?

(...)

Acho que me lembro, acho que me lembro... Quando tínhamos sono dormíamos, não era? Acho que me lembro...

Ouvi ontem...

De uma amiga emigrada e com muito Mundo às costas:

"Diz-me ele... E no teu aniversário? Vamos onde? Nova Yorque, Itália... Pá... Eu disse-lhe logo: Foda-se, deves estar é a brincar comigo... Eu quero é ir a casa..."

Sim, ele só podia estar a brincar com ela...

E de repente, e cá por coisas da minha vida, emigrar é coisa que nem pondero... Só mesmo em última hipótese e bem madrasta me haveria de ser a vida profissional... De repente, tenho a certeza que a vida não me é isso!! A minha vida não é o meu trabalho. A minha vida são os meus e esses eu não deixo para trás, sem ser por estrita necessidade.

sábado, 28 de junho de 2014

Veja lá isso oh S. Pedro...

Para hoje é um lanche ajantarado no jardim  de uma amiga com 8 crianças com menos de 7 anos e aí 20 adultos.

Para amanhã é um piquenique de aniversário também com muita gente e criançada, que eu imaginava a rir e a correr à solta nos prados verdejantes...

Não vamos ter mau feitio e estragar tudo, pois não? É que senão... Senão... Senão nada, não é? Lá terá a malta de se desenrascar... Poooooder, está todo empertigadinho com o poooder, não é? Está certo!...

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Se eu fosse mãe de uma menina...

Ahahahahahahah... Ai, se eu fosse mãe de uma menina...

Bem, talvez me faltasse a coragem para aqueles últimos!!






Post em directo...

Acabaram de me fazer a manicure e agora estão-me a fazer a pedicure...

A menina faz tudo tãaaaaooo devagar, é tão calma, tão zen e tem uma voz tão doce...

(...)

Sim, está-me a pôr os nervos em frangalhos...

Era pô-lo de açaime... Preso numa jaula!

Luis Suarez morde Chiellini durante Itália - Uruguai
O Suarez mordeu outro jogador e ficou proibido de ENTRAR em qualquer estádio durante quatro meses?? Nem para treinar, nem para ver um jogo, nem para nada?? Caramba... Se o acham um sociopata selvagem, às tantas isto não resolverá grande coisa... Não sei, digo eu!

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Eu até me vou abster de fazer comentários...

Mas esse decote, Fidalguito... Eh pah... É da minha vista ou é coisa capaz de confundir um gajo?!

Alguém devia ter dito lá aos meninos da selecção...

Que o objectivo do jogo é meter a bola na baliza e não no Ronaldo...

Disso do trabalho e dos filhos e da malandragem e das viroses e do coiso mais velho...

E se eu vos disser que sou muito melhor trabalhadora desde que sou mãe, derivadoS da sapiência e experiência com que a idade me brindou? Como? Ora como, meus bons blogo-amigos... Não desperdiçando tempo em cafezinhos de meia hora e almocinhos de hora e meia, não desperdiçando tempo com conversas de merda e fazendo tudo bem à primeira (sim, tenho um ego do caraças)... Estando concentrada e focada desde o primeiro ao último minuto e estabelecendo objectivos diários... Tendo a sorte de ter um trabalho que posso fazer desde casa, enquanto os miúdos se estão a vomitar todos com viroses, ou às 4h da madrugada quando estou com insónias... Isto sim é uma grande sorte, isto sim me faz organizar da forma que melhor me convém... Se preciso de ir com os meus filhos a uma consulta vou, se faço o meu trabalho às 2h da manhã, ninguém tem nada a ver com isso (desde que seja feito... e bem feito!) E mais vos digo... Sinto-me mais inteligente desde que fui mãe... Uma pessoa ginastica o cérebro que é uma coisa parva... A cabeça não pára e às tantas uma pessoa habitua-se a este ritmo alucinante e à falta de margem para erros estúpidos...

Mas, agora, se perco tempo a passear no shopping à procura do melhor vestido ao melhor preço ou se fico meia hora a ler um livro na esplanada depois do trabalho?... Eh pah... Não!! Mas se me sinto mais rotinada e mais capaz que nunca para fazer o meu trabalho? Eh pah... Sim!!


quarta-feira, 25 de junho de 2014

E agora a sério...

O que é que leva um homem adulto a pôr-se nestas figuras?


Acabei de ouvir...

Um senhor a defender o Isaltino Morais e a dizer que, coitado, "Ele não meteu a mão na massa, eles é que lhe meteram a massa na mão"...

(...)

True Story - O Mariquinhas

Eu sou pessoa dada a mal-entendidos e a coincidências do demo. Sou, pois sou... Nem imaginais a quantidade de vezes que já tive de dizer... "Lamento, mas isso foi pura coincidência..." 

Ainda na Segunda feira.... É que não teve piada rigorosamente nenhuma... Aliás, só não enterrei a cabeça no chão porque o passeio era de betão e era capaz de me magoar... Passo a explicar.

A calçada estava molhada e o Jr. escorregou, caiu e ia começar a chorar. Mas caiu devagar, era óbvio que não se tinha magoado, estava apenas assustado.

[NM] Vá Jr... Não te magoaste, não sejas mariquinhas...

[Jr., que nunca deve ter ouvido tal palavra] "Mariquinhas"???

[NM, para ver se lhe desviava definitivamente a atenção do choro] Sim, mariquinhas... Até há uma música... "Mariquinhas, vem comigo para a Angola"*...

Lai-lai-lai-lai missão cumprida, que aquilo entrou no ouvido do miúdo que começou a cantar ininterruptamente, todo contente e já sem sombra de choro. 

Entretanto, precisámos de atravessar uma passadeira perigosa. Ele dá-me a mão, concentra-se a ver se vêm carros e cala-se durante instantes. Já no outro passeio, dez ou quinze metros depois, passa por nós um rapaz muito (mas mesmo muito) efeminado... 

E nesse preciso momento o que é que começa o Jr. a cantar a plenos pulmões?? 

Exactamente... "Máriquinhas vem cómigo prángola. (...) Máriquinhas vem cómigo prángola..."

O rapaz? O rapaz aperta a pochete (eu disse-vos!) com toda a força com o braço e fulmina-me com o olhar...

Eu? Oh páh... Eu fiquei tão, mas tão, envergonhada... Limitei-me a olhar para o chão... 

Eu que educo, com toda a convicção, os meus filhos para a aceitação de diferença... Cada um é como é, e os outros só têm de aceitar... E aquela pessoa ficou a achar que eu educava os meus filhos para achincalhar e gozar os diferentes... Caramba... Fiquei mesmo mal disposta!!

Agora, dizei-me... Qual é a verosimilhança desta sucessão de acontecimentos?? É o que eu vos digo... A mim acontece-me com cada uma... Algumas têm piada, outras nem por isso... Esta foi dessas, das "nem por isso"...


* Sim, sei que é "Mariquinha", mas "Mariquinhas" dava-me mais jeito na altura. 

terça-feira, 24 de junho de 2014

Encontro de bloggers :DDDD

NM e I* à conversa e à espera que as crianças  não sofram nenhum traumatismo craniano...


segunda-feira, 23 de junho de 2014

Parece que vai chover na noite de São João no Porto...

... um DRAMA meujamigos, um DRAMA!!...


Eu explico... O S. João pôs-se a mandar bocas a dizer que as chaves de S. Pedro estava ferrugentas e que mais pareciam bijutaria pechisbeque comprada na Primark... Olha...Lixou-se!

Nós? A Vida de Pi.


E aquele momento...

Em que estás na farmácia, onde és cliente fiel há mais de quatro anos e onde já gastaste uma pequena fortuna, e o farmacêutico, ao olhar de soslaio para os cartões que trazes na carteira e ao vislumbrar o teu cartão de identificação da instituição onde trabalhas, te diz que tens direito a 10% de desconto em tooooodos os produtos?
 

Ou seja, podia ter gasto apenas 90% de uma pequena fortuna... Entre vacinas, cremes e creminhos... Está certo!

Tenho aqui bilhetes para o São João...


 Alguém quer? Ofereço!

domingo, 22 de junho de 2014

Pessoas que pariram há meio ano ou menos, vinde cá que temos de conversar...

Vamos partilhar experiências... O Baby tem 4 meses e 6 dias. Eu:

(1.) Se não me controlasse emocionava-me por tudo e por nada e a toda a hora. Com crianças e velhinhos, mas também com adolescentes e homens feitos que vejo a brincar com os filhos... E os cãezinhos e os gatinhos e as andorinhas e as gaivotas, tão mal amadas, coitadinhas... E as plantinhas... E a minha rica orquídea lilás que está com mau aspecto, coitadinha. E o meu filho mais velho que já está um rapazinho, coitadinho... E a crença das pessoas... Como me emociono com a crença das pessoas num Deus maior... Ou no futebol. E com a descrença das pessoas... Como me comove a falta de fé...

(2.) Ando com os nervos à flor da pele, com um mau feitio nunca antes visto. Tenho de contar até 10... Eeeerrr... 120, para não mandar tudo para o real cara...ças mais velho. E cansada... Ando tãaaaooo cansada!

(3.) Ando uma vaidosa que mete nojo. Eu que nem sou nada dessas coisas... Sempre fui pelos serviços mínimos. Mas agora... Upa-upa... Vê-de lá que de repente tenho na Globe a minha marca preferida (é do grupo da Lanidor mas fabrica tudo em Portugal, prête attention hã...)... Eu, que quando andava no liceu era dos das Doc Martens, Sex Pistols e Ramones, agora perco-me com os vestidinhos e saias lápis de cós alto da Globe... Tuuuudo bem, não há-de ser nada!!

(4.) E o cabelo... Depois é aquela cena de perder cabelo às manadas... Mas pronto, isso já percebi que é mesmo hormonal e já estou a fazer a fazer um tratamento. Mas e o resto, hein?... Mais alguém?... Há por aí mais alguém a descompensar??... Se não houver... Há por aí alguma boa alma que me possa mentir?


Outro dia gozei com os alemães...

E a coisa correu como correu.

Hoje, para não agoirar, limitamo-nos a apoiar  os nossos... Bamoláber...




sexta-feira, 20 de junho de 2014

E tu NM? Por onde andas?

No meu das criancinhas, a tentar suster as lágrimas... (Oh valha-me Nossa Senhora... Haverá medicação para isto? :DD)




quinta-feira, 19 de junho de 2014

Ora, ora minha querida Andreia...

Muito obrigada pelo bocadinho... Foi muito engraçado e salvou-me o blogo-dia que, mais uma vez, caminhava a passos largos para a blogo-desgraça. Qualquer outra inquietação que tenha, faça o favor de dizer que eu estou sempre aqui para a ouvir e reconfortar. Em boa verdade lhe digo que o que mais aprecio nesta vida é mandar umas valentes gargalhadas e por isso só tenho de lhe agradecer... 

Agora, meus bons blogo-amigos... Eu dava-me com esta vida de blogger... Se eu pudesse enchia-vos a paciência com posts a toda a hora, sobre tudo e sobre nada, sobre a vida em geral e o cosmos em particular... Dá-se é o caso de eu ter de trabalhar, de ser assalariada por lado e de ter negócios paralelos por outro (lícitos, hã, não se ponham com ideias), de ter dois filhos pequenos (um deles muito pequeno que ainda está sempre comigo), e de não ter avós por perto que me fiquem com eles meia hora que seja, e de ser uma gaiteira que todos os bocadinhos que tenho é para ir apanhar Sol com os garotos, e de só ter empregada em casa uma vez por semana, e de gostar de nos alimentar em condições e de ter a casa habitável...

Tudo isto para dizer o quê? Que nheca-nheca-nheca, que hoje - só hoje - vos gostava de ter escrito (1.) que acho indigno e uma filhadaputice de todo o tamanho a emboscada que os tubarões do PS estão a fazer ao Tozé, (2.) que me pareceu ver que a abertura do telejornal da CM TV foi a chegada do Coentrão ao aeroporto - não, não havia mais nada de interessante para falar, essa agora olhó disparate; (3.) que aquilo de haver empresas que obrigam as mulheres a comprometer-se a não engravidar durante um determinado período de tempo é a mais pura das verdades e que estas desigualdades de género têm de ser combatidas e severamente punidas e que a natalidade tem, de uma vez por todas, de ser seriamente incentivada (4.) que ando uma mariquinhas pé de salsa que quase chorei quando vi as imagens do Rei Juan Carlos a pôr a faixa vermelha no filho; (5.) que o Baby foi ao pediatra e que está como chouriço; (6.) que o Baby já não cabe no berço e que ontem estivemos a montar-lhe a cama de grades quase de madrugada; (7.) que hoje tentei dar-lhe papa, pela primeira vez, mas que aquilo foi uma desgraça, que deitou mais para fora que aquilo que foi para dentro, que foi quase um rolo de papel de cozinha à vida e que a seguir bebeu um biberão de leite como se nada fosse (8.) que  o Jr. me disse que eu estava "eslumbrante" (inchai!) quando me viu com a fatiota que vou levar a um casamento no Sábado (9) que vou ao tal do casamento em coral, toda upa-upa ai quem me viu e quem me vê, e que levo uns fâcamanaices de uns sapatos de salto alto em se anda mesmo mesmo bem, (10) que não gosto nada de ver o gajedo todo a suspirar pelo Xabi Garcia, que raio que o homem é bonito mas que não gosto nada da massificação do bom gosto...

Pronto, vistes do que vos livrastes? Olhai só as baboseiras em que ieis botar os olhinhos se eu tivesse tempo para isto... 

Oh pah... Eu vinha aqui dizer que ando sem grande tempo e...

... Que se calhar isto ía andar paradito, mas enquanto tiver comentários assim, se calhar até é fácil manter aqui o tasco a funcionar...

Li o teu blog de fio a pavio. Aprendi uma coisa simples: Tens vários blogs, entitulas-te de vários nomes, escreves sempre igual em todas as máscaras. Só vives de ti para ti dizendo mal dos outros. Nem argumentar se sabes. Destilas inveja de tudo e todos que são prendados e felizes. Enches a tua própria caixa de comentários com pseudo-comentadores que na verdade, não passam de comentários teus. Ponto. Que vergonha, pá. Isto é doentio. Trata-te, pá. Bem pior que bipolar, bem pior. Ou achas que eu já não percebi que nos mais variados blogs, que não teus, encarnas personagens? Risível. Risível.

Pronto, pronto... Eu confesso. Eu sou a Mirone, a Izzie, a Maçã, a Pipoca Mais Doce, o Mais Salgado e a Picante. Para ocupar os tempos mortos sou ainda a anónima sedenta de sangue, OCorvo e o Pipocante Delirante Azevedo. E o Pacheco Pereira, também sou esse. E a Leonor Poeiras. E a Cristina Ferreira. E a Cutxi... Eu sou a Cutxi! E o Guedes!... Também sou o Guedes... E a Ursa caramba... Eu sou a Ursa...

Eh páh... Ide-vos lá lixar... Os melhores comentadores são os meus. É que até fico comovida!... Eu não merecia tamanha sorte.



quarta-feira, 18 de junho de 2014

Olá malta. Adeus malta.

Pois que tive um dia de cão... Não parei quinze minutos... Corre para aqui para ali e para além...

Ora então com vossa licença, vou-me acostar. Por falar em acostar os espanhóis foram com os porcos no Mundial, não foi? Mas já têm novo rei, não é? Pronto... Bom saber que o mundo pula e avança como uma bola colorida lai-lai-lai... Ora então se nada ocorreu de maior vou-me recolher e pôr os pés ao alto que a minha beleza (e a minha carcaça) precisa(m) de descanso... ZZZZZzzzzzzzzzzzZZZZZZZZZ

terça-feira, 17 de junho de 2014

Daquilo do Arrumadinho...

Ando com tanta falta de paciência para a bloga que só ontem à noite tirei 15 minutinhos para ir ver o que se tinha passado por aquelas bandas.

O que é que eu acho? Lai-lai-lai, rebéubéubéu pardais ao ninho...

A mesma conversa de sempre e outra vez alguém que perde a razão porque se entusiasma na argumentação, fazendo do seu umbigo  um buraco negro, um diapasão pelo qual se deverá moderar toda a discussão... Não sei porquê lembrei-me disto... Claro que depois chegam logo mil e um blogo-justiceiros de dedo em riste a desvirtuar e descontextualizar o discurso do rapaz... Lai-lai-lai... Vira o disco e toca o mesmo.

A mim sabeis o que me enfada? Aquilo da criança que ele postou logo a seguir*... A irresponsabilidade de alguns adultos revolve-me o estômago... Calhava de o homem ter tropeçado e a criança podia morrer ao ser pisada por um boi... Atrasados mentais pá... (E não, não foi só o homem em causa. Havia muita gente a assistir e ele já estava na arena antes de ter de começar a correr. Com certeza havia guardas da GNR no recinto... Ninguém lhe soube dizer nada? Ninguém o conseguiu dissuadir a sair dali? Enfim...) Mas bom... Esse post tem agora, 3 dias volvidos, 0 - zerinho, comentários e ainda não vi mais ninguém, mesmo os que embandeiram aquilo de se importar, a falar disto! Já sobre os post anteriores do bate-boca, é tudo a postar sentenças e a apontar o dedo...

Se filmassem um homem a atirar um cão para o recinto já caía o carmo e a trindade.

Enfim... Tempos engraçados estes...

* Claro que o Sr. Perfeitinho podia não se ter enganado ao dizer que aquilo tinha sido 4a - foi 5a, e podia ter-se lembrado de pôr a televisão em pause para tirar uma foto em condições, mas isso agora é o de somenos importância.

Adenda: Que fique bem claro que nos "blogo-justiceiros" não estou a incluir a SMS, que fundamentou devidamente a sua posição.

segunda-feira, 16 de junho de 2014

domingo, 15 de junho de 2014

Estimado homem a ver o copo meio cheio desde mil novecentos e troca o passo

Perguntava-me o Jr. que Super-Heroína gostava eu de ser... Nunca pensei sobre o assunto, mas disse-lhe que gostava de ser a Storm dos X-Men, que foi a primeira que me veio à cabeça


Perante isto dizia-me o Jr. que, também ele, queria ser a Storm. Respondia-lhe eu que não podia ser, que a Storm era menina e que ele era menino. A dada altura já ele me estava a dizer que queria ser menina (só para poder ser a Storm).

Reviro os olhos para o meu homem... 

Diz-me ele: "Pensa positivo, podia ser pior!... Podia querer ser menina para ser a Princesa Sofia!"


Está certo!...


"Hum... Então é a isto que chamais de calor?"

"Pá... Não gosto! Dá-me insónias."



"E se me dá insónias a mim, também dá aos meus ricos paizinhos que eu cá não quero que lhes falte nada."


sábado, 14 de junho de 2014

Coisinhas do meu dia de hoje...

... Que não interessam nem ao Menino Jesus.

1. Triste há de ser o dia na vida de uma mulher em que esta se vê obrigada a despender um dinheirão de vergonha numa cinta redutora... cor pele! Hoje foi esse o dia aqui para esta mulher. Ainda mal acredito que aconteceu.

2. Pus um bocado de marmelada caseira "ao ar" em cima da mesa da cozinha. Enquanto andava a cirandar pela casa durante a manhã, dei-me conta que o caríssimo Jr. não esteve de modas... Pegou numa colher e, por sua livre e espontânea iniciativa, reduziu a coisa a metade... (Não, nada disso, não ficou com dor de barriga e almoçou como se nada fosse... E é tão magro o catano do puto...)



3. Andei o dia todo com umas unhas de vergonha... Mas mesmo mesmo de vergonha... E que andaste tu a fazer NM? A jardinar? A tirar tinta de chocos? Nada disso, gente da minha bloga, o que se passa é que disse ao bicho da fruta Jr. que as cerejas estão quase a desaparecer e que depois só para o ano... Conclusão, hoje devo ter "descaroçado" um quarto de kg de cerejas para sua excelência (e sim, meto-lhas na boca que, caso contrário, põe-se-me como um cristo, e sim, tive de me chatear com ele para não comer mais e não, não ficou com dor de barriga)... Diz que quer comer todas as que aguentar porque vai ter muitas saudades... A sério... Eu mereço?



4. E o que fiz eu nesta tarde espectacular de quase-Verão? Fui à praia? Fui fazer um piquenique à sombra de grandes e frondosos pinheiros? Nada disso. Estive enfiada num auditório, com um calor insuportável, a assistir a um sarau solidário, onde o Jr. foi actuar. E apesar da causa me ser cara e de envolver gente de quem gosto muito, este evento foi a prova que eu precisava para perceber que ando hormonalmente descompensada. A saber, tive vontade de chorar com a actuação das crianças e com a actuação do compositor semi-famoso que vai-se a ver e também canta. Mas o mais grave mesmo foi quando me apercebi que estava a ficar emocionada com a actuação do grupo de dança das adolescentes com pompons... A sério, não sei que raio se passará comigo mas coisa boa não é com certeza... 

5. Estive duas horas para adormecer o Baby. Acho que não se dá bem com o calor. (Em boa verdade, deve ter sido a primeira vez que ele teve calor por causaS do Sol...)

5. Nem vos digo os km que o meu homem fez para ir a uma despedida de solteiro... E neste preciso momento lá deve estar ele coitadinho... Entediado a pensar em mim e nos petizes... A fazer conversa de circunstância, acanhadito a um canto... A contar os segundos para regressar ao seu lar, cheiinho de saudades minhas... O que aquele homem é capaz de fazer por um amigo... (Ahahahahahahahah... Ai deve deve... Então não deve...)

6. É só o meu copo da Bimby que está todo escaqueirado?? É que eu nem me lembro de ele alguma vez ter caído... É certo que o lavo na máquina, mas macacos ma mordam se encontro justificação para estar neste estado deplorável.


7. Há pouco estava a ler a história do Peter Pan ao Jr. e ele diz-me que o "Capitão Gancho" é o amigo do "maricas" ("Barrica", a criança queria dizer "Barrica"). Estive a rir durante 10 minutos com ele já todo arreliado sem perceber o motivo da risota... Sim, sim, tenho um sentido de humor muito refinado eu...

8. Eu disse... Eu avisei que isto não ia interessar nada nem a ninguém, por isso não se queixem!



sexta-feira, 13 de junho de 2014

Vocês lembram-se do Bocas?




Caramba... O que eu adorava ver o Bocas no "Agora Escolha" da Vera Roquette enquanto esperava ansiosa pelo resultado das votações... O Bocas com a voz do Canto e Castro... Lembram-se? Nas votações detestava que ganhasse o Love Boat. Já na altura eu era mais pelo TEAM A e coisas de rapazes... Sim, nunca fui uma menininha de Barbies (se bem que adorava os pequenos poneys)... Eu era mais de jogar ao elástico e ao mata e ao Rei dá licença...

Olha... Agora deu-me a nostalgia... (Nunca mais voltei ao sítio da minha infância e, agora que penso, isso é muito triste.)

Não, não é uma lata de tinta...



É 1 Kg de creme hidratante que trouxe da farmácia.

Agora só não sei se hei de meter o creme na criança ou a criança no creme...

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Alguém tem por aí uma caçadeira? *

Hoje estamos na fase do vómito.  O Jr. não aguenta nada no estômago e já me fez o obséquio de vomitar na cama. Estou com ele na sala a ver um filme enquanto o Baby dorme no quarto. Pelo caminho existe uma casa de banho em cuja janela se abancou uma gaivota.  O raio do bicho faz uma enorme panóplia de sons estranhíssimos.... Já me levantei aí umas 15 vezes para ver se estava tudo bem com o pequenino... Raistaparta o bicharoco...

De repente dou por mim a pensar que se as gaivotas se comessem podiam matar a fome a muito boa gente... Por falar nisso... As gaivotas são bichos levados do diabo... Quando vamos dar pão aos patos e aparecem gaivotas, acabou-se afesta que elas ficam com tudo... Na cidade elas não têm predadores pois não? E os ninhos?  Onde raio estão os ninhos das gaivotas?  Tantas dúvidas e tão pouco tempo...

* Calma, não se enervem já,  a caçadeira era só para disparar para o ar. Era lá eu capaz de fazer mal ao bicho...

quarta-feira, 11 de junho de 2014

Dos dias de cocó...

Caramba... Estou que não me sinto! Dói-me tudo e o pior é que a coisa parece-me que está para durar. O Jr. está doente. Tem febre que mal aguenta 6 horas de benuron, não quer comer e queixa-se com um "Mãaaaeeee..." arrastado e lamuriento, que me entra no cérebro e me mói a mioleira de uma forma indescritível... Até fico com tonturas! Nem paciência tem para histórias ou filmes e aquilo que eu fiz para o entreter o dia todo só tem um nome: malabarismo. 

Para ajudar à festa, o mais novo lembrou-se de me mostrar como tem sido um ser bom e generoso e como, se quisesse, me podia esfrangalhar os dias... Porque vamos lá ver... O miúdo tem quase 4 meses, o miúdo já exige interação, mas a verdade é que eu não tenho conversa para ele. Eu digo-lhe "Olá bebé!"... E ele responde-me "Buuuuuu", enquanto se baba todo e dá às pernas como se não houvesse amanhã. Depois eu digo-lhe "Tu estás bom?", e ele "Buuuuuuuu".... "Estás todo contente..."; "Buuuuuuu"; "Olá bebé!"; "Buuuuuuu".... Se bem que hoje tivemos um avanço na nossa forma de comunicação. Hoje descobri que se lhe contar devagarinho: 1, 2, 3, ..., ele começa gargalhar até se engasgar... Isto não é genética meus amigos, isto é sim creepy até à última casa decimal... Está ele quase quase a iniciar um berreiro, começo a contar e ele pára e ri-se e ri-se e "Buuuuuuu" e baba-se e dá às pernas numa euforia louca... Filho, amor, são só números!! Coisa de merceeiro, portanto!! Pontapés em bolinhas, o menino tem é de perceber de bolinhas e de futebol e de coiso que aqui a mamã dava-se bem era como a próxima Dona Dolores... Deixe lá isso dos números que para maluquinhos já basta os pais que tem...

E pronto, lá se passou o meu dia entre fraldas, benuron, termómetro, biberões, sopas e copos de leite. "Mãaaaeeeee" e "Vê lá se não vomitas na cama" e "Mãaaaaaeeeee" e "Queres que me vá deitar contigo um bocadinho?" e "Mãaaaaaeeee"...

Mal o meu homem chega a casa, calço uma sapatilhas e vou dar uma caminhada com o Baby, que estava que começava a dar com a cabeça nas paredes por falta de oxigenação cerebral.

Pelo caminho dei-me conta que uma vizinha é "cerzideira" (não, não é "costureira" é "cerzideira" mesmo, pelo menos era o que dizia a folha A4 colada na janela). Ao ler as gordas no quiosque, tive um momento "mas-como-é-que-não-se-pensou-nisto-mais-cedo-ai-deve-ser-porque-esta-tecnologia-não-está-acessível-assim-há-tanto-tempo" quando li isto. De resto, tive outro momento "o-homem-é-um-robot" quando vi nas notícias que o Sr. Presidente (re-)começou o discurso exactamente onde o tinha acabado sem ter tido a presença de espírito de dizer uma ou duas frases a referir-se ao facto de ter estado 25 minutos ausente depois de "vagalizar". Até pode ter sido por uma questão de protocolo, mas eu acho que foi mesmo por incapacidade em dizer alguma coisa que não tivesse sido escrita e revista pelos assessores. Mas pronto, isto sou eu que sou uma alma ruim...

Bem.. Estou no ir que hoje a noite adivinha-se looonga!... Olha ele: "Mãaaaaeeeeee!!"

terça-feira, 10 de junho de 2014

Há as crianças que gostam de fruta...

Depois há as crianças que gostam muito de fruta e depois há as que, como o Jr., são autênticos bichos da fruta. Vai tudo a eito: maçãs, laranjas, pêras, cerejas, melão, romãs, pêssegos... Ontem à sobremesa do jantar comeu 3 (três!) pêras e hoje, num lanche em casa de amigos, andava a estraçalhar fatias de bolo para lhe tirar os bocados de ananás... 

Só vos digo que a minha conta no talho e a minha conta na frutaria devem andar ali taco a taco! 

Daquilo de ter sonhos sobre a bloga...

Até eu que sou das matemáticas sei ver que isto da bloga transpira fenómenos sociológicos tremendamente interessantes e que alguém devia pegar nisto e fazer um estudo como deve ser... 

De repente ocorreu-me que tal tese poderia perfeitamente já estar em curso... Era engraçado não era? Todos fazermos parte de um estudo (mais ou menos) científico... Sim, que isto de na bloga nada ser o que parece já toda a gente sabe, mas e se... De repente.... Tcharan... "Vou defender a minha tese amanhã e as minhas conclusões são de que...." Ahahahahahahahahahahahah... Tinha taaaaanta piada!

Pá... Sim, eu sei que a minha capacidade de fazer filmes é uma coisa extraordinária e que passei ao lado de uma grande carreira de argumentista. Mas caramba... Que aquilo me cheira a esturro...

segunda-feira, 9 de junho de 2014

A minha blogo-amiga Mais Picante...

É uma cobra do pior. Um ser vil e desprezível, o diabo em forma de gente, o paradigma de lixo humano... Tanta maledicência, tanta inveja, tanta falta de berço... Gentinha menor que não interessa a ninguém...

No entanto, o que eu vejo aqui da minha casinha adornada com naperons, com cães de loiça à porta e andorinhas na varanda, é que há por aí muita alminha a acotovelar-se para que Mais Picante se aperceba da sua existência... 

Pica aqui, pica ali, boca aqui, boca ali, "A que outro blogue posso eu ir a seguir deixar um comentário a destilar veneno contra aquela cobra?", "Hum... Já os corri a todos. E agora? Mas esta gente adormeceu ou quê? Bom, dois comentários no mesmo post não fará mal concerteza"... "Ai caramba, o estar aqui em biquinhos de pés tanto tempo está-me a fazer uma dor nos gémeos que nem vos conto..."

Sim, sim, nada como pôr a carne toda no assador que pode ser que seja desta que a Mais Picante dê pela sua presença... 

Quatro linhas de post nascidos da pena de tão vil personagem será o suficiente. Nem precisa de ser sobre si, basta uma expressão, uma palavra... Basta em seguida um assentar de carapuça... 

E depois....

Aaaah... A blogo consagração!!! A Mais Picante alfinetou-a! "Eu sabia que tanto pulinho daria resultado." Agora sai post a falar de lixo humano, de seres vis e desprezíveis... Ah... Caramba... "A Mais Picante deu por mim!" Ah... "Já posso dormir em paz!!... Não sei bem se era sobre mim, mas isso agora também não interessa nada... Só foi pena não ter sido apelidada de Gracinha... Talvez para a próxima, talvez para a próxima..."

Hum... Não sei, não sei... Pelo menos é isto que me parece daqui onde me encontro... Mas sim, têm razão, eu não percebo um boi disto!

E você, já postou as suas sabrinas hoje?

Depois da Sexinho e da Palmier, e para que nada falte ao Pedro P., segue uma shoefie das minhas sabrinas de hoje*. (Tenho mais Pedro, tenho mais... Carradas de sabrinas que eu tenho... E sim, magoaste-me os sentimentos...)
 

* E não me venham cá a aborrecer a dizer que os meus pés são isto e aquilo que os da Sexinho é que são bonitos, que a Sexinho hoje precisava dos seus próprios pés e não mos pôde emprestar para a foto.

Pára tudo!!... Arrumadinha no pedaço...

Sábado ao fim do dia recebi um blogo-mimo daqueles em bom. Foi quase assim "tipo" uma blogo-consagração.... 

Pois é, alminhas invejosas, Pipoca Arrumadinha esbanjando simpatia e charmosa que só ela, dedicou aqui ao barraco o seguinte "Poema simples!".

«Bons modos»

Muita calma com o andor,
Que a procissão vai no adro,
Quem este blog criou,
Merece ser respeitado.
Anónimos nos seu lugar,
Comentadores sempre a postos,
Sempre algo para postar,
Sem perder os bons modos.
Teve uma grande alegria,
Com o seu Baby lindo,
E de sua autoria,
Com palavras vai instruindo.
O blog ainda é recente,
Mas bastante promissor,
Põe toda a gente contente,
E terá sempre valor.

Está muito engraçado sim minha querida! Obrigada pelo carinho! :)

domingo, 8 de junho de 2014

Eu adoro publicidade...

Mas não me considerava público fácil. Sempre achei estúpido aquela coisa de se pagar a gente famosa para fazer uma publicidade básica (famoso a sorrir com o produtinho na mão) em detrimento de se investir na criatividade. Quem, por Deus, quem compraria um produto só porque fulaninho de tal aparece a dizer que sim senhora o produtinho é coisa que upa-upa...

Pensava eu assim, sentada no meu pedestal de pseudo-intelectualidade superior e difícil, até que vi este anúncio com o Iggy Pop. De repente, dei por mim a pensar que, apesar de estar engraçado, bastava o iguana aparecer com a garrafinha de schweppes na mão, para a mim me apetecer ir ali a correr ao café provar uma... Pá... Coisas! 


Gosto!

sábado, 7 de junho de 2014

Coisinhas do meu dia...

Que não interessam nem ao Menino Jesus.

1. O meu homem não hesitou meio segundo em beber um refrigerante com um ano fora de validade;

2. Cai-me cabelo aos tufos... Não sei de que raio será, mas não estou a achar piada nenhuma à brincadeira;

3. Saí para comprar roupa para a época casamenteira que se avizinha... Não comprei nada mas tomei a única decisão possível. Quando vos lembrardes de mim, pensai em alguém com muuuuita fominha;

4. Comprei este anel para oferecer a uma amiga mas apaixonei-me por ele. Acho que vou ter que comprar um igual. Ou então espero que o meu homem leia isto e mo ofereça, para eu não me sentir tão mal... ("Como assim a gastar dinheiro em anéis em vez de em livros ou outras coisas que jeito tenham NM? Como te atreves?"... A sério, a minha consciência é uma besta tirana. Olhai o que vos digo.)


5. Parece-me que o Jr. deixou a sesta de vez, o que é uma chatice porque, como toda a gente sabe, é a dormir que se fortalecem as sinapses e porque me sabiam pela vida as tardes de fim de semana passadas no sofá a ver filmes e séries com o meu homem.

6. Começo a não ter paciência para a cara de espanto das pessoas quando digo que o Baby ainda nem 4 meses tem. Acho que vou começar a mentir sobre a idade dele... 

NM a criar fãs da Schleich desde 2010


sexta-feira, 6 de junho de 2014

Nem vou escrever nada...

A propósito do que aconteceu hoje, até porque o nó que tenho na garganta me impede de dissertar sobre o que quer que seja. Só espero é que tenha servido de lição às alminhas que por aí andam a alardear a sua inabalável superioridade moral...

NINGUÉM É DONO DA VERDADE!!


69 seguidores...


Parou! Não mexe mais!