quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Mandei o homem à guerra e ele sobreviveu.... Orgulho...

📞 Tuuutuuu...

NM liga a Estimado Marido...

📞 Tuuutuuu...

[NM] Sim?! Môr? [Brincadeirinha...]

[Estimado Marido] Olá, então?

- Olha, é hoje que tens a consulta no Arrábida, não é? [O Hospital da Luz funciona no mesmo edifício do Arrábida Shopping.]

- Estou cá. Saí agora mesmo.

- Ah, fixe. Olha aproveita e compra um gorro ao Jr.

- Um gorro?!

- Sim, um gorro.

- Mas tem de ser agora?

- Porquê? Estás com muita pressa?

- Um bocado.

- Perdes cinco minutos e ele está sem nenhum. E ontem queixou-se do frio.

- Mas o que é que queres exactamente?

- Um gorro.

- Mas um gorro, como?

- Um gorro, bolas. Um qualquer. Para ele enfiar na cabeça nos dias frios. Não tem de ser nada de especial. Eu até gostava que lhe comprasses uma gola também...

- Uma gola? O que é isso?

- É uma coisa tipo cachecol, mas circular. Sem pontas.

- Oh por favor... Não me faças andar aqui às voltas à procura de uma merd@ que eu nem sei o que é.

- Pronto, ok. Traz só o gorro. Pode ser um gorro qualquer, não te maces muito.

- Um gorro... Qualquer... Ok... {suspiro}

- Sim, um qualquer... Há aí 1500 lojas com gorros. Entras na primeira e compras o primeiro gorro que aches que lhe sirva.

- E a que loja vou?

- A uma qualquer...

- Eh pá, vê aí na net um gorro que gostes numa loja que haja aqui que eu vou lá buscar.

- Esquece, estamos em saldos. Não dá para fazer isso que as lojas têm pouca coisa. Tens mesmo de ir ver.

- {susprio} Pronto... E vou onde?

- A uma loja qualquer, alma... Sei lá, Zara, Zippy... O que faltam aí são lojas... Olha, a Sport Zone tem de certeza.

- E que número é que ele gasta?

- Sei lá... Acho que os gorros nem têm número. Vê mais ou menos.

- Vejo mais ou menos... {suspiro}... Ok...

- A sério... Um qualquer. Compra um gorro qualquer.

- {suspiro} Ok... Um qualquer.... Numa loja qualquer... De um número mais ou menos... Ok... {suspiro}

(...)


📞

[Estimado Marido] Este serve? Da Zara?

- Está óptimo. Traz.

- Não é muito largo em cima?

- É, mas dá.

- Não gosto lá muito...

- Mas não estás com pressa? Por mim podes trazer esse. Mas se queres ir procurar outro... Tu é que sabes.

- Ok. Levo este.

(...)

📞

[Estimado Marido] Olha... Não mo venderam....

- Hã?!

- Estava reservado por estar na montra... Só tinham aquele...

- Pronto, paciência.

- Faz muito sentido faz... Não venderem porque está na montra... Vou à Sport Zone, que é já aqui.


(...)

📞

[Estimado Marido] Isto está um inferno... Tudo ao monte. Não encontro nada.

- Pede a um funcionário... Chegas e dizes: "Olhe desculpe, onde encontro gorros para um menino de sete anos?"

- Não nos vamos chatear por causa disto, ora não?

- Não.

(...)


📞

[Estimado Marido] Gostas?

- Mais ou menos. Mas serve. Traz.

- Não é um bocado cartaz publicitário?

- É, mas serve. Não tem aí mais nenhum?

- Não.

- Então traz esse.

- Oh, não gosto dele.

- Então vai à procura de outro....

- E vou aonde?!

- {inspira, expira, inspira, go} À Zippy... Vai à Zippy.

- E isso onde fica?

- Não sei... Não estou bem a ver... Pergunta. E pergunta já onde fica a HM.

- E eu aqui às voltas...

- Eh pá. Traz esse da Puma então...

- Não gosto dele.

- Então pronto... Que queres que te diga?

(...)

📞

[Estimado Marido] Na Zippy não tinha nada. Vou à HM. Já estou com uma carrada de stress, que nem imaginas. Não perguntei onde eram as lojas e fui andando... Moral da história, fui dar a volta ao shopping para vir ter precisamente em cima da Zara e da Sport Zone... Com umas escadas rolantes à porta...

- Ahahahahahahah

- Tu riste mas eu perdi para aí um quarto de hora aqui às voltas.

- Olha, tivesses perguntado ocmo eu te disse... Mas bom, vai então à HM mas nem tentes procurar. Dirige-te à primeira funcionária que vires, pede-lhe para te acompanhar e não te afastes dela. Já só quero que não te percas.

- Ah-Ah-Ah... Piada...

(...)


📞

[Estimado Marido] Gostas?

- Es-pe-ta-cu-lar! Traz. Pelo amor de Santa traz esse.

- Tem aqui mais...

-  Esquece. Traz esse e anda-te embora!!!

- Ok... Até logo.

- Xau!

(...)

Já em casa...

[NM] Ena.... Hoje sofreste à conta do gorro, hein?!

[Estimado Marido] Eh pá, não me voltes a fazer isto. Acho que fiquei a sofrrer de stress pós traumático. Que inferno. Odeio lojas e compras e shoppings e saldos e o raio...

- Pronto, pronto... Já passou... Mostra-me cá o dito cujo... (...) Olha, bem giro! Well done!

- E nem sabes tu quanto custou...

- Quanto?

- 1 euro.

-  1 euro?!

- Sim, 1 euro.

- E tinha lá um preto também bem fixe. Assim a fazer feitio de umas riscas verticais com o tecido... [malha canelada, suponho] Mas esse era muuuuito mais caro... Custava... Tcharan... 2 euros!

- A sério? Mas se estavam assim tão baratos porque é que não trouxeste os dois?! Ele está sempre a perdê-los...

- Porque tu me disseste para comprar UM gorro, não foi?!

(...)

Eu.sofro.
Faz.sentido.









36 comentários:

  1. Eu mandei o homem ao Lidl, comprar o detergente líquido "xpto", se não houvesse o melhor quantidade/preço e um amaciador qualquer, pode ser o maior...

    150 mensagens/fotos depois, lá lhe disse quais trazer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahah ninguém merece...

      (Bem, em abono da verdade devo dizer que no meu caso esse tipo de compras é ele que (também) as faz... As "modas" é que é pior... :D)

      Excluir
  2. Ah ah ah tá certo é um é um loolol ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um é um, não é "pelo menos um". :D

      Excluir
  3. Oh Meu Deus,deve ser do melhor e mais cómico que li nos últimos tempos:)))))Os Homens precisam de um estudo,a sua "programação" é "estranha"!O seu marido teve sorte deixarem fotografar,deve ser dos Saldos,já me aconteceu na Zara e H&M e não deixaram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Programação "estranha"?! Eu diria linear, a preto e branco. :D

      Excluir
    2. Aos homens permitem essa "batota" de fotografar os itens. As pessoas do comércio já sabem que por trás de um homem sozinho numa qualquer secção de roupa, está uma mulher e dois telemóveis muito activos.

      Excluir
    3. Ahahahahahah (Pois nem sei se os funcionários deram conta. Tenho de lhe perguntar.)

      Excluir
  4. Talvez a NM lhe devesse ter explicado que, matematicamente falando, "um" significa "pelo menos um". ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueça (ou esquece, não sei bem). Ele não percebe nada de matemática :p

      Excluir
    2. Ele também é das matemáticas Filipe. É aquilo de um mal nunca vir só. :D A parte boa é que só se estraga uma casa.

      Excluir
  5. Pipocante Irrelevante Delirante10 de janeiro de 2018 17:58

    "- Ah, fixe. Olha aproveita e compra um gorro ao Jr."

    Quantos gorros foram comprados?
    Menos que um?

    Não percebo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não. Tudo certo.

      (Trouxesse ele a bússola e a pederneira no bolso das calças a ver se andava às voltas no shopping...)

      Excluir
  6. E a gola????
    (Não vejo as fotos! :()

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gola fica para quando eu tiver vagar. (Lá para Agosto, portanto.)

      (Não perdes nada, são só fotos de gorros.)

      Tivesse eu insistido na gola e tinha tido um esgotamento nervoso. :D

      Excluir
    2. Em casa já vejo! Bem giro!

      Excluir
    3. Pudera! Ao balurdio que custou...

      Excluir
  7. ahahahhaah Pronto parei de rir, estou a ficar enervada...

    Em que parte do dia é que foi isso? Que cá me parece que essa conversa foi com pai macaco! :D (é como diz alguém, só muda o chassis)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah "só muda o chassis"

      Excluir
  8. Homem sofre. O teu marido tem muita paciência.
    A minha solidariedade masculina está com ele.
    És uma sortuda, é o que é!! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Canonize-se o homem. Já! :DD

      Excluir
    2. Dentro em breve pedes o seu lugar no Panteão!!
      ....maldade, tua. :)

      Por mais que queiramos generalizar, acho que se é verdade, porque o é, que os homens não entendem as mulheres, o inverso também acontece.

      Excluir
    3. A razão de os homens não perceberem as mulheres parece-me óbvia... É que as mulheres têm outra... Enfim... Outra qualidade de processamento sináptico. Pronto. Digamos assim em termos simples.

      Excluir
  9. Ahahah! Recentemente passei uma parecida, mudava o cenário, que era um supermercado, e a lista de compras. Tudo dava num “Mas qual (produto x) é que compro?”, isto numa lista de meia dúzia de coisas.
    A chamada ainda incluiu ter que dizer em que corredor ficam as coisas, do género “as tostas devem estar ao pé do pão, o queijo ao pé dos iogurtes, etc”. E do outro lado um homem-barata-tonta a passar vinte vezes nos mesmos 4 corredores do dito supermercado!
    Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah porquê?! Mas porquêeeee? :D

      Excluir
    2. Não sei, não sei... mas penso que os homens ouvem ‘compra’ e entram em modo does not compute. É um qualquer erro interno que se lhes dá.
      Maria

      Excluir
    3. A não ser que em causa esteja a compra de um gadgetzito, claro...

      Excluir
    4. Pipocante Irrelevante Delirante12 de janeiro de 2018 13:42

      Maldito preconceito.

      HomensOprimidos

      Excluir
    5. Óbvio! Isso nem se questiona. Um gadget ou qualquer que seja o objecto de interesse do espécimen!
      Maria

      Excluir
    6. PID, tudo vai de criar uma associação... Os "Incapazes" ou assim... :DDD (brincadeirinha, não se zangue comigo...)

      Excluir
  10. Estimado homem encontrou esse gorro em que loja? Foi na Zara?
    Preciso de um para o meu mais velho que não seja estilo completamente desportivo e não custe os olhos da cara.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O último que comprou? Na HM. Da zara é o da primeira foto.

      Excluir
    2. Era o último. Obrigada :)

      Excluir