quarta-feira, 20 de julho de 2016

Pobrezinho, tão pequenino e já tão incompreendido...

[Educadora de Baby] Oh Mãe, antes o Baby dizia o nome dos animais tão bem e agora, de vez em quando, chama-lhe coisas tão esquisitas...

[NM] A sério?! Que estranho, não me apercebi de nada... [blá-blá-blá.... 2 minutos... blá-blá-blá] Mas olhe... Relativamente áquilo dos animais...  Não estará ele a dizer os nomes em inglês? É que nós gostamos de fazer esse jogo... Eu digo em português e ele repete em inglês.

[Educadora] Aaaahhh... Olhe... É capaz, é...

Tudo bem que a pronúncia dele não é a melhor (ainda que tenha a distinta lata de me corrigir o "donkey"), mas caramba...




(Chimpazé! Ali aos 5m16s o rapaz está a tentar dizer "Chimpanzé!"...)


Disclaimer: E porque já sei do que a casa gasta, que fique desde já claro que não estou a querer mostrar o quão inteligente o menino é. É só um jogo que ele gosta de fazer. Trata-se de uma coleção como outra qualquer. Ele adora animais, e se há um ano colecionava sons de animais (excepto do gato): aqui, agora coleciona o  seu nome em inglês. Nada de especial, na verdade. 

23 comentários:

  1. Estou traumatizada, o puto sabe mais amimais que eu, havia para ali uns dois ou três que eu não sabia. É um gênio, pah.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahah É um génio, é. Este sim vai ser o próximo Einstein. :D

      Excluir
  2. Eu adoro as vozes :) tão doces!!!

    ResponderExcluir
  3. Baby is the best!

    (é triste termos que justificar um video sem mal nenhum, pena que quem critica de exibicionismo, não consiga ver o orgulho que uma mãe sente em ver o seu petiz a dizer o nome dos animais em inglês. Baby tem uma mãe fabulosa, com a voz mais doce!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questão I. é que eu nem sinto um orgulho por aí além por causa destas coisas. Para saber isto não sabe outras coisas, tão simples quanto isso. Eu tenho orgulho sim em eles serem bons meninos. De terem bom coração. Disso sim e nisso mãe babada me assumo. Agora nestas coisas não. E justifiquei-me porque ando com estados anímicos muito variáveis e não queria mandar ninguém para o real falo mais velho num post tão fófinho como este.
      (Quanto a ser boa mãe... Olha, tenho dias! :))

      Excluir
    2. Pois olhe, Nê, eu senti orgulho no petiz ainda que para saber isto, não saiba outras coisas. Eu sinto orgulho pelos meus pequenos (não filhos, mas priminhos) a cada coisa que após algumas tentativas conseguem fazer bem, ou quando se lembram de algo que lhes ensinei. Sou uma fácil, estes pequenos prazeres deixam-me de coração cheio. (e sim, nunca descurando de serem bons meninos).
      um beijinho

      Excluir
    3. :) eles são como esponjas. Os meus têm a sorte de andar numa boa escola e em casa também são muito estimulados. É natural que tenham alguns conhecimentos. Qualquer criança teria nas mesmas condições. Agora... O que me deixa a babar, mas a babar mesmo, é quando dou com eles abraçados ou a darem mimo um ao outro. Ou aquilo do Jr. apanhar do tal menino M. e não esboçar a mínima reacção (só de protecção, nunca de ataque), ou de ele reagir contra miúdos com o dobro do tamanho dele quando os vê fazer mal a outras crianças... Caraças... Aí sim é que fico babada... :)))

      Excluir
    4. E outro beijinho, claro!

      Excluir
  4. Respostas
    1. Essa foi o irmão... Dr. Octopus, um dos arqui inimigos do Homem Aranha. :DD

      Excluir
  5. O mais incrível é que o puto sabe tantos animais, tu percebes tudo que ele diz e depois não percebes chimpanzé? :DDD
    Fantástico mesmo, tão fofinhos que vocês são.
    A seguir quero vídeo em alemão!




    (Pena que algumas pessoas não entendam momentos destes e achem que há sempre uma segunda intenção)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E nem fui eu que percebi... Foi o marido! A brincar que o digas, outro dia demos com ele a ver um video no YouTube onde diziam o nome dos animais em russo... :DDD

      (Sempre! Qualquer coisa que se escreva relativamente aos miúdos ou é a falar mal ou é pura exibição!)

      Excluir
  6. NM

    Superfofo ouvi-lo a dizer os animais, não xabe, xá disse...
    Ai que saudades.
    O meu miúdo mais novo tem autismo e eu fico babada com todas as pequenas evoluções dele.
    A mais velha derrete-me com a capacidade que tem de defender o irmão e de quem seja mais fraco.
    bjn e muitas felicidades para os 4.

    T.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijinhos T. e as maiores felicidades para esse lado também. :)

      Excluir
  7. Estou derreeeeeeeeeeeeeeeetida!
    Doçura!
    Tão bom!
    Xi Órxe é booooom (sea horse) e bee e tantos!
    Estou in love!
    <3 <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah e não me lembrei eu de lhe perguntar pavão (peacock), que ele diz "pipoca"!!!! :DDDDDDD

      Mil beijos, love.
      Gosto muito de ti.

      Excluir
  8. Psiu... Então pá, essas férias nunca mais acabam?

    ResponderExcluir
  9. Volte, NM, está perdoada (não sei do quê...)!

    ResponderExcluir