quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Só para perceber a minha posição relativa no que concerne a acidentes de trânsito.

Ultimamente, e sempre que a conversa é, ainda que tangencialmente, sobre perícia na condução, o meu marido lembra-me que parti o espelho de um carro que estava estacionado. Numa rua larga. Comigo a conduzir o carro dele.

Ontem, tal craque da condução, amolgou o meu carro contra um pilarete de um passeio. 

A minha questão é: 

O que é que está mais parado? Um carro estacionado ou um pilarete?

33 comentários:

  1. Claramente um pilarete. Um carro pode sempre mover-se agora um pilarete, a não ser que abalroado, nunca se move.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está portanto a opinar, ana, que é claramente uma azelhice muito maior ir contra um pilarete que contra o espelho de um carro estacionado. Um pilarete nunca se move. Precisamente o meu ponto.

      Excluir
    2. E só não vê quem não quer. :DD

      Excluir
  2. isso foi o karma... tivesse ficado calado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. (Só é pena é aquilo da comunhão dos bens adquiridos...)

      Excluir
  3. O pilarete é mais pequeno, mais facilmente deixa de ser ver.

    Curiosamente esta manhã, enquanto seguia de carro com Mr. Mirone, ele comentava o estado lastimoso em que se encontrava o para-choques traseiro do carro que seguia à nossa frente.
    "Se com sensores de estacionamento o carro está assim, nem quero imaginar se não tivesse", dizia ele. Isto vindo de alguém que há uns tempos, no parque de estacionamento de um restaurante, atropelou com toda a convicção uma laranjeira enquanto praguejava "Não suporto o pipipi destes sensores, que irritantes!". (Eram duas da tarde... nem sequer pôde dar a desculpa de estar escuro).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mirone... Myga... Atão?!

      Excluir
    2. Eh pá, myga, se quiseres minto-te... Mas a verdade é que um carro é grande, é difícil não o ver.

      Excluir
    3. Se fosses minha amyga de verdade tinhas mentido... Just saying...

      (Qual grande... O meu carro é um bolinhas, o dele é que é grande... Ainda mais essa. Um carro grande ocupa mais espaço, é mais fácil de bater com.)

      Excluir
    4. Estão a insinuar que eu menti???:)

      Excluir
    5. Claro que não ana. Tu és a única clarividente...

      Excluir
    6. Ah, ainda bem, agora estou mais descansada.

      Excluir
  4. Essa é uma questão que roça a física quântica... :-)
    O pilarete, claro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba... Quase que se me rasam os olhos de lágrima com a emoção... Não sei se mereço tamanha capacidade de análise...

      ;DD

      Excluir
  5. Curioso curioso é ter a 4m daquele outro pilarete todo torto... empenado pelo meu carro, às mãos de uma condutora do agrado destes blogo-frequentadores... Dai-lhe razão que o bate-chapas aqui da rua agradece...

    Estimado Marido de NM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah Ahahahahahahahahahah Ahahahahahahahahahah Ahahahahahahahahahah Ahahahahahahahahahah Por aqui???? E agora vamos começar a lavar roupa suja em público?? É isso que queres, é???!! Olha que eu sei coisas... :DDDDDDDD

      (E isso do outro pilarete já foi há mais de seis anos... Ainda foi com o outro carro. Tem lá paciência, mas já prescreveu...)

      Excluir
  6. eu não arrisco uma resposta, pois já vi que a hipótese de ser uma questão fraturante, é muito forte.
    boa noite, NM
    :))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah já viste a minha vida, Mia? Ainda desgraço o casamento à conta dos pilaretes...

      Boa noite! :)

      Excluir
  7. O teu homem tem toda a razão, és uma azelha e não se fala mais nisso.
    (eu também já lixei o bólide num pilarete...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahahahahah olha outra... Amigas da onça, carai... Se me apoiasses é que era de estranhar.

      (Quem é que vê um pilarete, sabe que o tal não se vai mexer do sítio e mesmo assim espeta lá o carro? Não percebo...)

      Excluir
  8. (não vi o meu, estava torto e desviado para a frente)
    Mas também já bati muna porra de um muro, o meu homem faz sempre uma vistoria completa cada vez que lhe conduzo o carro, acho que é mau feitio...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O muro, tal como o pilarete, já lá estava...

      Excluir
  9. Pipocante Irrelevante Delirante15 de dezembro de 2016 10:41

    Se o pilarete for baixo, não se vê. Está num angulo morto.
    Ja outros veículos, parados ou em andamento, estão visíveis.
    Física...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O tal pilarete, não só é bem alto como está, há sete anos, à saída da nossa garagem.
      Olhos na cara...

      Excluir
    2. Pipocante Irrelevante Delirante16 de dezembro de 2016 11:24

      https://pt.m.wikipedia.org/wiki/E_pur_si_muove!

      Excluir
    3. Ahahahahahahahahahah Rendo-me!

      Excluir
  10. Toda a gente sabe que os carros parados se mexem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A falta de cultura desta gente aflige-me.

      Excluir
  11. Olha tenho a dizer-te que ontem me deram boleia num carro que quando se liga a macha atrás tem uma câmara e aparece tudo num monitor. Pronto. É isto.

    ResponderExcluir